O que você deseja encontrar?

Aqui tem tudo o que você procura em um só lugar!

PORTAL CONCÓRDIA - O Portal da Cidade de Concórdia - SC
:( ops! não encontramos o que você buscou.

NOTÍCIA

Leia a notícia abaixo, e aproveite para imprimir ou enviar para um amigo.

Compartilhe:
Saiba tudo sobre a vacinação contra a covid em crianças, que começa amanhã em Concórdia
18/01/2022
10h e 31min
Mais de um mês depois de aprovada, a vacinação infantil contra a covid-19 começa amanhã, quarta-feira, dia 19, em Concórdia. A imunização será realizada mediante agendamento obrigatório, assim como ocorre com as demais etapas de vacinação. Nesta nova fase, a aplicação das doses vai contemplar crianças de 5 a 11 anos.

Conforme a prefeitura de Concórdia, imunização será realizada na Unidade Sanitária Central, localizada na rua Osvaldo Zandavalli, e deve ocorrer das 13h às 19h. O agendamento vai ser liberado na tarde desta terça-feira, a partir das 15 horas, no site da administração municipal, o concordia.atende.net.

A campanha de vacinação para as crianças seguirá o mesmo esquema dos demais grupos, conforme orienta o Ministério da Saúde. Ou seja, será por faixa etária em ordem decrescente, sempre da maior idade para a menor, começando por grupos prioritários (crianças com deficiência permanente e comorbidades), com a presença dos pais ou responsáveis ou um termo de assentimento assinado por eles.

Além disso, será obrigado também apresentar o documento que comprove a condição da criança. Para receber a dose, é obrigatório a apresentação do documento de identificação da criança (identidade e CPF). O imunizante autorizado é da fabricante Pfizer, que consiste em duas doses, com intervalo de oito semanas entre D1 e D2. A vacinação não é obrigatória.

Estão disponíveis 350 doses para esta primeira ação. A primeira remessa enviada pelo Ministério da Saúde foi pequena. Novas doses devem ser enviadas nos próximos dias. A expectativa é encerrar esta etapa de vacinação até o fim de março. Concórdia tem cerca de seis mil crianças nesta faixa etária, sendo necessárias mais de 12 mil doses para as duas etapas da imunização.

Condições para o grupo prioritário:

a) Diabetes mellitus e doenças metabólicas hereditárias (doença de Gaucher, mucopolissacaridoses e outras);

b) Doenças pulmonares crônicas (asma grave, fibrose cística, fibroses pulmonares, broncodisplasias);

c) Cardiopatias congênitas e adquiridas;

d) Doença hepática crônica;

e) Doença renal crônica;

f) Doenças neurológicas crônicas (paralisia cerebral, doenças hereditárias e degenerativas do sistema nervoso ou muscular; deficiência neurológica grave);

g) Imunossupressão congênita ou adquirida (incluindo HIV/Aids, câncer, transplantados de órgãos sólidos e medula óssea e pacientes em uso de terapia imunossupressora devido à doença crônica como doenças reumatológicas e doenças inflamatórias intestinais - Crohn e colite ulcerativa);

h) Hemoglobinopatias (anemia falciforme e talassemia maior);

i) Obesidade grave (IMC: escore z>+3);

j) Síndrome de down.

Comprovação

Para fins de comprovação da condição da deficiência permanente ou comorbidade deverão ser apresentados os seguintes documentos para a vacinação, os quais poderão ser retidos pela equipe de vacinação para fins de auditoria, podendo também ser utilizada nessa situação cópia impressa, digital ou mesmo uma fotografia do documento, no caso do comprovante original não poder ficar retido:

a) laudo médico ou exame comprobatório que indique a comorbidade ou deficiência;

b) comprovação de atendimento em Centro de Reabilitação ou unidade especializada;

c) documento oficial com indicação da deficiência;

d) cartões de gratuidade do transporte público que indique a condição de deficiência permanente;

e) laudo emitido por nutricionista no caso de obesidade;

f) declaração de equipe multidisciplinar, que indique a condição de deficiência ou comorbidade;

g) autodeclaração (na ausência de outro tipo de documento) para os casos de deficiência permanente grave.

Outras orientações

A vacinação deve ocorrer em ambiente acolhedor e seguro, evitando as ações de vacinação na modalidade drive-thru. Se possível, nas aldeias indígenas, a vacinação de crianças deve ocorrer em dias separados da vacinação dos adolescentes e adultos, com o objetivo de evitar possíveis erros de imunização.

A Dive sinaliza que, por precaução, a vacina COVID-19 para o público pediátrico de 5 a 11 anos de idade não deve ser administrada de forma concomitante a outras vacinas do calendário infantil, sendo recomendado um intervalo de 15 dias entre as doses da vacina contra COVID-19 e demais vacinas de rotina.

Os profissionais de saúde, antes de aplicarem a vacina, devem apresentar aos pais e/ou responsável da criança o frasco da vacina, com objetivo de confirmar que se trata da vacina contra a COVID-19, frasco na cor laranja, cuja dose de 0,2ml, contendo 10 mcg da vacina contra a COVID-19 Comirnaty específica para crianças entre 5 a 11 anos de idade, bem como a seringa com o volume a ser aplicado (0,2 mL).

Fonte: Rádio Rural


Deixe seu comentário para a notícia:

"Saiba tudo sobre a vacinação contra a covid em crianças, que começa amanhã em Concórdia"

  seu email não será publicado.
caracteres restantes.





ÚLTIMAS NOTÍCIAS DA CATEGORIA UTILIDADE PÚBLICA


24/05/2022 - Utilidade Pública

A  CELESC   agradece  a  compreensão  pelos  transtornos  advindos  da  falta  de energia, e alerta que, para segurança e conforto dos consumidores atingidos estes devem considerar a rede...

24/05/2022 - Utilidade Pública

Continua em ritmo de desaceleração o número de novos casos oficiais de dengue diagnosticados em Concórdia. Nesta segunda-feira, dia 23, o município havia chegado a um total de 4.769 pessoas positivadas com a doença desde o início do ano, conforme o...

24/05/2022 - Utilidade Pública

A Administração Municipal de Concórdia encaminhará nos próximos dias para a Câmara de Vereadores um Projeto de Lei instituindo o Programa Banco de Ração para pequenos animais. O anúncio foi feito pelo prefeito Rogério Pacheco em reunião com o...

20/05/2022 - Utilidade Pública

A  CELESC   agradece  a  compreensão  pelos  transtornos  advindos  da  falta  de energia, e alerta que, para segurança e conforto dos consumidores atingidos estes devem considerar a rede...

20/05/2022 - Utilidade Pública

A SES (Secretaria de Saúde de Santa Catarina), seguindo orientação do Ministério da Saúde, passou a recomendar a partir desta quinta-feira, dia 19, a aplicação da segunda dose de reforço (quarta dose) da vacina contra a Covid-19 para idosos com 60...


SHOPPING


Kobacafé | Lanchonete, Pizzaria e Restaurante

a partir de
R$ 14,00
Kobacafé | Lanchonete, Pizzaria e Restaurante

a partir de
R$ 150,00
Ideia Good - Soluções Web e Publicidade On-line

a partir de
R$ 140,00
CCAA | Escola de Idiomas

Kobacafé | Lanchonete, Pizzaria e Restaurante

a partir de
R$ 14,00
Kobacafé | Lanchonete, Pizzaria e Restaurante

a partir de
R$ 3.999,00
Ideia Good - Soluções Web e Publicidade On-line

a partir de
R$ 399,00
Ideia Good - Soluções Web e Publicidade On-line